SAUDADE EM VERSO E PROSA

O amor verdadeiro vai muito além dos sonhos desta vida...

Textos


ALQUIMIA
 
Do quarto avisto o vale verdejante...
A sombra do arvoredo se contrasta
Com a lucerna do sol que se afasta;
A paisagem é condão deslumbrante...
 
Pergunto num relance, num instante,
Se a vida me foi justa ou foi madrasta,
Pois que a amargura o coração vergasta;
Encontro-me só, a angústia é constante...
 
Mas, a verdade minh!alma trespassa:
O destino que todo o rumo traça,
É só fruto daquilo que eu irrigo!
 
Descubro, então, que tenho companhia
Pois, fruto de minha própria alquimia,
Enorme solidão mora comigo!


Foto: Google
Mp3: Porto Solidão
http://nelsonmedeiros.prosaeverso.net/visualizar.php?idt=6656373
Nelson de Medeiros
Enviado por Nelson de Medeiros em 25/05/2019
Alterado em 06/08/2019
Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras